História das Linguagens de Programação

Posted: segunda-feira, 10 de maio de 2010 by Rebeca Barros in Marcadores:
2

Ok! Folks, depois de catar por 18 páginas do Goooooogle eis que decido compartilhar, ou melhor, compactar um pouco de conhecimento decente nessa internet. A gente acha muita matéria, wiki, vídeos por aí contando sobre a história de uma determinada linguagem de programação, mas como é difícil achar algo vasto que fale simplesmente sobre o histórico de todas juntas.

Então, esse é meu intuito fazer um post que conte como e quando foram surgindo as mais variadas linguagens de programação. Mas o que é uma LP? É a maneira de expressar instruções ao computador, através de métodos e padrões, especificando a máquina o que ela deve fazer diante de determinada situação. Com o passar do tempo os programadores buscaram criar linguagens cada vez mais próximas da língua real, fáceis de serem compreendidas e manuseadas, bem diferentes das pioneiras.

Como eu não vou deixar de citar, o primeiro programador do mundo foi uma MULHER (sim marmanjos contentem-se), Ada Lovelace lá em 1842 desenvolveu o que alguns historiadores consideram o primeiro programa do mundo, baseado nas memórias do matemático Luigi Menabrea o programa calculava os números de Bernoulli na máquina desenvolvida por Charles Babagge.

Mas a programação computacional começou mesmo com o advento dos computadores elétricos em 1940, era o que chamamos hoje de linguagem de baixo nível, uma linguagem bem próxima do código da máquina, complicadas de realizar e propensa a bastante erros, ex: Assembly.

De 1950 a 1960 surgiram linguagens importantes que influenciaram o surgimento de muitas outras como Cobol e Fortran, essa última sendo considerada uma das primeiras linguagens de alto nível.

No fim da década de 60 foram definidos paradigmas utilizados até hoje e o conceito de programação estruturada surgiu. Linguagens mais distantes da máquina incluíam palavras do inglês como: IF (se), FOR (para), WHILE (enquanto) criando estruturas de decisão, repetição e outras, visando deixar os programas menores e mais fáceis de serem compreendidos, condenavam também a utilização dos desvios (Go To ) muito utilizado no período anterior. Com exemplo temos: Pascal e C (umas das primeiras linguagens de programação para sistemas operacionais).

A partir dos anos 80 muitas linguagens surgiram da adaptação a novos contextos das linguagens já existentes, e com a popularização do computador pessoal e o surgimento da internet nasceu o paradigma de Orientação à Objeto. A indústria de software foi ganhando mais espaço, tornando-se necessário uma produção rápida e eficiente dos programas, além do reuso de código, conceitos difundidos com a programação OO, Ex: C++, Java, C#, Ruby, etc. Nesse período também, o governo americano desenvolveu a linguagem Ada, adivinha de onde surgiu esse nome? haha'.

Vale ressaltar que apesar da idéia de linha de tempo acarretar que uma linguagem foi substituída pela outra,muitas das linguagens “antigas” ainda são utilizadas hoje em dia e muitas  foram adaptando-se aos novos conceitos.

2 comentários:

  1. Mariana says:

    po muito massa!! vai me ajudar pra prova de Paradigmas que tenho hoje a tarde xD

  1. Mateus says:

    Gostei do post! Uma boa síntese da história das LPs. =]